segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Ser ou não ser eis a questão:"Quanto tempo dura o Amor?"


Ser ou não ser eis a questão: "Quanto tempo dura o Amor?"

Nos anos 40: "Até ao fim dos tempos, céu incluído!"
Nos anos 50: "Até que a Morte nos separe!"
Nos anos 60: "Até que deixemos de nos amar!"
Nos anos 70: "Até que deixe de resultar"
Nos anos 80: "Quem sabe?"
Nos anos 90: "Que Amor?"

Nunca fui fã da fugacidade das relações. Sempre acreditei que as pessoas poderiam ser felizes para sempre. Para isso bastava acreditar na felicidade.

Frases: Enquanto não encontrares a pessoa certa, diverte-te com a errada" Sempre me causou um grande mal estar.
Prefiro aquela que diz: "Mais vale só do que mal acompanhada".
Viver sozinha não faz mal a ninguém. É opção. Essa nunca foi a minha.

Sou romântica. Extremamente romântica.
Quando amamos muito nunca pensamos no fim. O fim nunca parece existir. Prefiro viver assim sem o: THE END.
Mesmo sem nunca ter vivido a década de 40 e 50 sinto-me nessa época.

Acredito no amor e com céu incluído.
E afirmo que somente a morte vai me separar do Kle.
Hoje com 36 anos noto que algumas mulheres da minha geração preferem viver sozinhas. Ou preferem estar com alguém somente para não ficarem só. Observo o comportamento das minhas filhas.
A mais velha com seus 19 anos de idade optou pela carreira acadêmica e o individualismo na vida. Prefere seguir só. Assim fez meu irmão caçula. Ele com 23 anos já podemos considerar um executivo de sucesso.

Deixa-me perplexa que o conceito e a necessidade de espaço individual somado ao sucesso na carreira se sobreponham à importância da Paixão e do Amor.
Sou uma romântica, já sei.




Mas também observo a minha filha do meio com seus 16 anos. Seguindo a canção do Xote das meninas: Ela só quer..Só pensa em namorar..Ela só quer..Só pensa em namorar..
No fim do ano colocou uma aliança no dedo matando a todos do coração. Ela quer casar.
As declarações de amor um pelo outro são públicas..o orkut de ambos está carregado de sentimentos. Mas minha filha como toda menina ainda passeia com as amigas..vai para as matinês sem o namorado. Acredita que pode levar um casamento baseado na união dos corpos com muita individualidade.

O amor do novo milênio da famosa sociedade globalizada é assim unidos porém separados.Individualistas. Palavras como cumplicidade, companheirismo já estão em extinção. E somente me resta algumas perguntas e afirmações.

Quanto tempo irá durar o amor nas relações desse milênio?
Busco a resposta no incio desse texto..

Anos 80: Quem sabe!

Anos 90: Que amor?


Prefiro continuar seguindo a letra do Nando Reis :

E as coisas lindas são mais lindas
Quando você está
Hoje você está
Onde você está
As coisas são mais lindas
Por que você está
Onde você está
Hoje você está
Nas coisas tão mais lindas..

Sou uma romântica, já sei. já sei.

Por isso Kle continuou te amando MUITOOOOOOO....
Deusa

2 comentários:

Kleiton - Simplesmente Ser disse...

Sabes que apesar de puto, rs, sou romantico, amar e ser amado é um dos melhores prazeres que a vida pode oferecer.
Mas não bem o que responder sobre a duração do amor, creio que a duraçao dele, passa pelos pequenos detalhes do dia a dia, da relação, esses detalhes podem alimentar ou secar o amor, não ha formulas para se manter uma relação, mas ter cumplicidade, lealdade, paz e respeito as individualidades de cada um são alguns detalhes que fazem a diferença.

Amo essa letra do Nando, diz muito do que sinto, sem vc ao meu lado, tudo perde o sentido, adoro fazer tudo juntinho com vc,tudo fica mais lindo, mais gostoso, mais tudo.

Te amo minha esposinha safada, que nosso amor seja eterno e cresça ainda mais, com nossas vivencias, experiencias e nossa cumplicidade.

bjs seu maridinho

{Amar Yasmine}_DEXPEX disse...

miDeusAmada!

Ele, o Senhor Kleiton, disse tudo.
Durará eternamente aquele amor onde houver envolvimento, dedicação, lealdade, respeito, cumplicidade. Onde um não castrar os sonhos do outro. Onde haja conspiração para que o outro tenha sempre prazer e seja feliz.
É disso que o amor é feito. De muito desejo, de doçuras, de boas conversas, de entendimento mútuo no olhar, ou além dele.

Como você, também sou romântica. Muito romântica... haja visto a forma como me expresso, o visual do meu blog, as músicas que lá coloco.
E sou dedicada, carinhosa e devassa sem ser leviana.
O amor, para mim, é pra durar uma vida inteira.

miDeusAmada, quando vc vai lá no blog comentar, sinto teu abraço poderoso e cheio de carinho. Vamos, sim, olhar dentro dos olhos, sentar pra conversar tomando um chope, dar boas gargalhadas e viver raros momentos. Tenho certeza que será especial.

Besos e besos

{Amar Yasmine}_DEXPEX